Na fase de quarentena, em meados de Março decidi lançar-lhe 8 desafios semanais para o(a) apoiar na reflexão sobre o seu papel profissional. Em retorno recebi várias mensagens, nas quais me confessaram a relevância destes exercícios para apoiar um foco mais construtivo e são durante esta fase de incerteza. Assim, decidi sintetizar em duas partes todas os exercícios partilhados. As reflexões que aqui lhe proponho, deverão ser realizadas após leitura e realização dos exercícios que constam da parte I. 

Reforço as minhas recomendações anteriores: 

– Registe todas as suas reflexões, num diário ou caderno onde possa ir navegando entre as respostas que vai coleccionando, tal qual como se fossem as peças de um puzzle.  

– Realize os exercícios pela sequência proposta. 

– Realize um exercício por dia ou um exercício a cada dois dias. tempo máximo recomendado entre exercícios é de uma semana para não perder o fio à meada! 

Continuemos então… 

Exercício 6 

Segue as tuas paixões! Quantas vezes já se cruzou com este conselho? Aposto que lhe gera tensão de cada vez que se depara com ele, porque provavelmente não tem resposta. Eu sugiro que esta ideia é um mito! A maioria das pessoas não sabe quais são as suas paixões na carreira, até as ter experienciado. Ou dito de outra maneira, aquilo a que muitos apelidam de ‘paixão’, não surgiu de um dia para o outro. Começou por ser um interesse; um tema em relação ao qual sentiram uma curiosidade autêntica, uma predisposição para explorá-lo e até a fazer algo em relação ao mesmo.  

Por isso, há que descomplicar. 

Vamos lá ao desafio: 

  1. Liste todos aqueles temas pelos quais é curioso(a) e dá por si a pesquisar,a querer saber mais; 
  2. Prioritize-os por ordem decrescente de importância para si; 
  3. Para o seu TOP 3 de interesses, procure identificar os princípios por detrás dos mesmos. Um exemplo:eu gosto muito de assistir a programas de transformação do visual de pessoas e de casas. O princípio de base destes programas é enaltecer e valorizar o que de melhor as pessoas e as casas têm. Tal como acontece com o trabalho que faço como Coach. É caso para se dizer: Não há coincidências! 

Para aprofundar este exercício recomendo-lhe que escute o Podcast ‘Quero, Posso e Mudo de Carreira’, especificamente o episódio 2 –  Os Mitos na Carreira’ e o episódio 6 – ‘O caminho da realização’. Escute-os aqui. 

Exercício 7 

Todos nós realizamos inúmeras actividades diariamente. Muitas delas nada atractivas. Fazemo-las em esforço e tendemos até a adiá-las o mais possível. Sentimos que nos drenam energia! 

Contudo, há outras actividades para as quais nos sentimos predispostos. Durante a sua execução envolvemo-nos de tal maneira que perdemos a noção do tempo e ganhamos um foco extraordinário. Ao terminá-las sentimo-nos energizados. 

Identificar estes tipos de actividades é um exercício fundamental se queremos vir a ter no papel profissional doses consideráveis de entusiasmo e motivação durante a maior parte do nosso tempo. Se o que faz hoje está recheado de actividades drenantes, não pode esperar estar realizado! 

Esta semana proponho-lhe o seguinte: 

  1. Identifique ‘aquelas’ 5 actividades que o deixam ‘em alta’. Complemente com exemplos concretos, ou seja, registe memórias que envolveram estas actividades, tendo sido o impacto em si e em outros, bastante benéfico. Em que medida estas actividades têm expressão na sua vida diária? 
  2. Identifique ‘aquelas’ 5 actividades que o deixam esgotado. Qual a percentagem de tempo e energia que lhes está a dedicar no seu quotidiano? 

Acredito que com esta reflexão se aperceba de oportunidades de ‘reprogramações de vida’ para, por um lado aligeirar a sua tensão e por outro incrementar o seu ânimo. 

Exercício 8 

Neste exercício desafio-o(a) a fazer a ponte entre os 2 desafios anteriores. Irá juntar o seu TOP 3 de interesses ao seu TOP 5 de actividades que o(a) deixam energizado(a). A ideia, será gerar um brainstorming de ideias concretas que poderão representar possibilidades futuras a explorar. 

Um exemplo: se um dos seus interesses é a sustentabilidade e uma das suas actividades energizantes é comunicar, ao realizar um brainstorming podem surgir possibilidades como: 

– Escrever sobre a sustentabilidade para gerar literacia; 

– Gravar um podcast com convidados que trabalham o tema da sustentabilidade para ajudar as pessoas a integrar este tema no seu dia-a-dia; 

– Desenvolver uma talk sobre o tema da sustentabilidade para adolescentes como forma de influenciar o futuro 

–  

 

No final, para a chegar às 3 opções que quer ponderar mais a sério entre tantas possibilidades deverá responder à seguinte questão: 

‘Se lhe fosse oferecido um financiamento para realizar um projecto e se soubesse que seria bem-sucedido ao fazê-lo, que projecto escolheria?’ 

Agora que identificou 2 a 3 possibilidades a explorar, construa um plano para tornar viáveis essas opções.

Pode também desenhar o Modelo de Negócio correspondente. Para isso, consulte o  artigo “Qual a relevância do seu Modelo de Negócio Pessoal, na gestão de carreira? 

Se quiser partilhe comigo as suas descobertas.